sexta-feira, fevereiro 16, 2007

Jacobinos acelerados (DMS)

Jacobinos apressados na GLQL.

Passaram mais de mil anos, tempo em que durou este Sacro Imperio romano-germânico. Depois de Carlos Magno veio o feudalismo em todo o esplendor e a Idade Média, dita das trevas, mas que fez de Coimbra o que ela é e permite que alguns sejam. Veio o glorioso Renascimento e as Luzes da ribalta europeia.
A seguir da Revolução em França, veio o jacobinismo revolucionário e repressor para os rurais, religiosos e outros atrasados e que liquidou de vez o que restava dos antigos restos dos rurais, religiosos e atrasados estranhamente associados aos dependentes do rei.
Daí em diante, foi o fartar vilanagem de quem mais pôde matar frades e queimar conventos e livros sagrados, mesmo em modo figurado.
Duzentos anos depois, Vital ainda vive nesse tempo moderno e é por isso que afirma que “desde o tempo da implantação da República que a Igreja Católica não sofria uma derrota política tão profunda”.
Esquece que a tal Igreja foi amplamente perseguida, pelos poderes políticos e vitais de então, nos países eslavos que entregaram o poder no dealbar do séc XX, aos então modernos progressistas revolucionários, adeptos das mais amplas liberdades que sufocaram durante um tempo, sem que Vital se desse conta do logro. Quando deu, já era tarde e a Igreja continuava lá, como sempre esteve, mesmo sem cruzes nas salas, sem procissões nas ruas, sem velas acesas e cânticos públicos e até sem concordata alguma.

Embora seja inútil, talvez seja bom lembrar a Vital que a Igreja passou por aquilo tudo e continua em Roma, com um Papa que mantém a tradição de dois mil anos. O jacobinismo tem duzentos. Tem muito que andar…e é por isso que tem pressa em lançar foguetes.

2 Comments:

Blogger Diogo Mendes Silva said...

Caros leitores, Vital é o Vital Moreira.

2:08 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Como simpatizante da Maçonaria que sou, não posso deixar de assinalar que já vão, de facto, 200 anos! Não é, propriamente, algo sem sentido.

Magalhães

8:52 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

 

 

   Links

Blogues

  • 31 da Armada
  • A Arte da Fuga
  • A Destreza das Dúvidas
  • A Origem das Espécies
  • Abrigo de Pastora
  • Abrupto
  • Atlântico
  • Axónios Gastos
  • Blasfémias
  • Bloguí­tica
  • Causa Liberal
  • Combustões
  • Conversas Vadias
  • Da Rússia
  • Do Portugal Profundo
  • Grande Loja do Queijo Limiano
  • João Pereira Coutinho
  • Letras com Garfos
  • Lóbi do Chá
  • Margens de Erro
  • My Guide to your Galaxy
  • O Futuro Presente
  • O Insurgente
  • O Mal de Portugal
  • O Observador
  • O Purgatório
  • Observatório da Jihad
  • Por Causa Dele
  • Por Tu Graal
  • Pura Economia
  • Quadratura do Círculo
  • Relações Internacionais
  • Retórica
  • Tempos Interessantes
  • Teoria da Suspiração
  • The Guest of Time
  • The Intelectual Life
  • Tomar Partido
  • Blogues Internacionais

  • Cato @ Liberty
  • Counterterrorism Blog
  • Freakonomics Blog
  • JCB Blog
  • Johan Norberg Blog
  • NEI Nuclear Notes
  • Private Sector Development Blog
  • Secondhand Smoke
  • The Conservative Philosopher
  • Imprensa

  • Público
  • Correio da Manhã
  • Jornal de Notí­cias
  • Diário Digital
  • Diário de Notí­cias
  • Agência Lusa
  • Diário Económico
  • Jornal de Negócios
  • Courrier Internacional
  • Expresso
  • Visão Online
  • Sol
  • TSF
  • Rádio Renascensa
  • Imprensa Internacional

  • ABC
  • Google News
  • Yahoo! News
  • The Economist
  • BusinessWeek
  • Foreign Policy
  • Time
  • Bloomberg
  • Financial Times
  • MSNBCnews
  • Foreign Affairs
  • CNN
  • Fortune
  • The Atlantic
  • The Times
  • The New York Times
  • Washington post
  • Zenit
  • Reuters
  • MercatorNet
  • Agence France Press
  • Courrier International
  • Le Monde
  • All Africa
  • Jornal de Angola
  • Invertia
  • Aljazeera
  • China Daily
  • Informações

  • IEEI
  • CIARI
  • IPRI
  • CIEJD
  • IGFSE
  • SEDES
  • Crí­tica
  • O Portal da Cidade de Braga
  • Universidade do Minho
  • Centro Universitário do Minho
  • Parleurop
  • Rede Eléctrica Nacional
  • Páginas Amarelas
  • Icep Portugal
  • Comissão Nacional de Eleições
  • Instituto Nacional de Estatí­stica
  • Dicionário de Lí­ngua Portuguesa
  • Banco de Portugal
  • Compromisso Portugal
  • União Europeia
  • Serviço de Informações de Segurança
  • Presidência da República
  • Portal do Governo
  • Diário da República Electrónico
  • Assembleia da República
  • Informações Internacionais

  • WTO
  • OPEC
  • OECD
  • OSCE
  • NATO
  • Hoover Institution
  • BP Global
  • Institute for International Economics
  • The World Bank
  • International Monetary Fund
  • Center for Security Policy
  • Chatham House
  • Council on Foreign Relations
  • Institut d'Études de Sécurité
  • Eurobarometer
  • Institute of Development Studies
  • G8 Information Centre
  • United Nations
  • Terrorism Research Center
  • The International Institute For
    Strategic Studies

  • CIA - The World Fact Book
  • Religião Católica

  • A Santa Sé
  • Opus Dei
  • Catholic Fire
  • Partidos Polí­ticos Portugueses

  • Partido Social Democrata
  • CDS/Partido Popular
  • Partido Nova Democracia
  • Partido Socialista
  • Partido Comunista Português
  • Bloco de Esquerda
  • Partidos e Instituições Conservadoras

  • International Democratic Union
  • The Conservative Party
  • Republican National Committe
  • American Conservative Union
  • The Churchill Center
  • Margaret Thatcher Foundation
  • Union pour un Mouvement Populaire
  • CDU/CSU
  • Conservative Party of Canada
  • Liberal Party of Australia