sexta-feira, setembro 09, 2005

Eleições no Japão (DM)

No próximo dia 11 de Setembro, Domingo, vão-se realizar eleições no Japão.
Junichiro Koizumi, actual Primeiro-Ministro, vai ter dois adversários: o Democratic Party of Japan (DPJ) e o seu próprio partido, Liberal Democratic Party (LDP).
Que o DPJ é seu adversário isso já é indelével, mas o LDP é um pouco bizarro.
O LDP é também seu adversário porque Koizumi quer reformar o partido dos chamados "rebeldes", os "anti-reformistas".
Junichiro Koizumi, avançou, mais uma vez, com a proposta da privatização dos correios. Esta proposta, vai ser um grande teste para os japoneses escolherem entre o antigo LDP (que é contra esta reforma) ou um novo LDP, que Koizumi diz que vai ser melhor.
Alguns economistas dizem que a privatização da maior instituição financeira do mundo (os correios) se proporcionar alguns benefícios devido ao mercado livre de capitais, vão ser muito reduzidos e vão crescer vagarosamente.
Alfim, serão umas eleições com alguns malabarismos que serão muito importantes para o futuro da segunda maior economia mundial que ainda não mereceu qualquer atenção pela imprensa nacional.

6 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Muito bom este texto! Por acaso não sabia que havia eleições este Domingo! A nossa imprensa deve andar distraída!

Maria Manuel

10:35 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Tenho uma pergunta a fazer ao editor deste blog: Como é que é possível que os correios possam ser a maior instituição financeira do mundo? Não era mais normal que fossem bancos ou seguradoras, por exemplo?

7:23 da tarde  
Anonymous André Marques said...

A privatização dos correios é para Koizumi uma clara tentativa para relançar a economia japonesa, apesar do cepticismo de alguns economistas.
Além disso, a transferência da gestão dos correios para o sector privado também tem a importante função de aliviar os encargos do Estado - o Japão tem um défice superior a 7% e uma dívida pública de 150% do PIB, problemas que não podem ser ignorados.
Perante este cenário posso concluir que Koisumi tem consciência dos verdadeiros problemas do seu país e que age com responsabilidade (ao contrário de certos políticos deste "rectângulo à beira-mar plantado"...).

7:55 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Em relação à atenção que a imprensa deu a este assunto, pelo menos no "Público" de Sábado , dia 10, vêm vários artigos relacionados.

7:59 da tarde  
Blogger Diogo Mendes Silva said...

Caríssimo anónimo,

Os correios são a maior instituição financeira do mundo porque funcionam também como uma instituição bancária.

1:10 da manhã  
Anonymous João Vilas Boas said...

O Diogo Mendes tem toda a razão! Escreve muito bem, está por dentro dos assuntos internacionais (também fez um excelente texto acerca da democracia no Zimbabwe) não se limita a ver números e a ver de uma maneira superficial e consegue analisar do ponto de vista soial.

Força para o blog e faça mais análises do "país e do mundo".

12:05 da tarde  

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home

 

 

   Links

Blogues

  • 31 da Armada
  • A Arte da Fuga
  • A Destreza das Dúvidas
  • A Origem das Espécies
  • Abrigo de Pastora
  • Abrupto
  • Atlântico
  • Axónios Gastos
  • Blasfémias
  • Bloguí­tica
  • Causa Liberal
  • Combustões
  • Conversas Vadias
  • Da Rússia
  • Do Portugal Profundo
  • Grande Loja do Queijo Limiano
  • João Pereira Coutinho
  • Letras com Garfos
  • Lóbi do Chá
  • Margens de Erro
  • My Guide to your Galaxy
  • O Futuro Presente
  • O Insurgente
  • O Mal de Portugal
  • O Observador
  • O Purgatório
  • Observatório da Jihad
  • Por Causa Dele
  • Por Tu Graal
  • Pura Economia
  • Quadratura do Círculo
  • Relações Internacionais
  • Retórica
  • Tempos Interessantes
  • Teoria da Suspiração
  • The Guest of Time
  • The Intelectual Life
  • Tomar Partido
  • Blogues Internacionais

  • Cato @ Liberty
  • Counterterrorism Blog
  • Freakonomics Blog
  • JCB Blog
  • Johan Norberg Blog
  • NEI Nuclear Notes
  • Private Sector Development Blog
  • Secondhand Smoke
  • The Conservative Philosopher
  • Imprensa

  • Público
  • Correio da Manhã
  • Jornal de Notí­cias
  • Diário Digital
  • Diário de Notí­cias
  • Agência Lusa
  • Diário Económico
  • Jornal de Negócios
  • Courrier Internacional
  • Expresso
  • Visão Online
  • Sol
  • TSF
  • Rádio Renascensa
  • Imprensa Internacional

  • ABC
  • Google News
  • Yahoo! News
  • The Economist
  • BusinessWeek
  • Foreign Policy
  • Time
  • Bloomberg
  • Financial Times
  • MSNBCnews
  • Foreign Affairs
  • CNN
  • Fortune
  • The Atlantic
  • The Times
  • The New York Times
  • Washington post
  • Zenit
  • Reuters
  • MercatorNet
  • Agence France Press
  • Courrier International
  • Le Monde
  • All Africa
  • Jornal de Angola
  • Invertia
  • Aljazeera
  • China Daily
  • Informações

  • IEEI
  • CIARI
  • IPRI
  • CIEJD
  • IGFSE
  • SEDES
  • Crí­tica
  • O Portal da Cidade de Braga
  • Universidade do Minho
  • Centro Universitário do Minho
  • Parleurop
  • Rede Eléctrica Nacional
  • Páginas Amarelas
  • Icep Portugal
  • Comissão Nacional de Eleições
  • Instituto Nacional de Estatí­stica
  • Dicionário de Lí­ngua Portuguesa
  • Banco de Portugal
  • Compromisso Portugal
  • União Europeia
  • Serviço de Informações de Segurança
  • Presidência da República
  • Portal do Governo
  • Diário da República Electrónico
  • Assembleia da República
  • Informações Internacionais

  • WTO
  • OPEC
  • OECD
  • OSCE
  • NATO
  • Hoover Institution
  • BP Global
  • Institute for International Economics
  • The World Bank
  • International Monetary Fund
  • Center for Security Policy
  • Chatham House
  • Council on Foreign Relations
  • Institut d'Études de Sécurité
  • Eurobarometer
  • Institute of Development Studies
  • G8 Information Centre
  • United Nations
  • Terrorism Research Center
  • The International Institute For
    Strategic Studies

  • CIA - The World Fact Book
  • Religião Católica

  • A Santa Sé
  • Opus Dei
  • Catholic Fire
  • Partidos Polí­ticos Portugueses

  • Partido Social Democrata
  • CDS/Partido Popular
  • Partido Nova Democracia
  • Partido Socialista
  • Partido Comunista Português
  • Bloco de Esquerda
  • Partidos e Instituições Conservadoras

  • International Democratic Union
  • The Conservative Party
  • Republican National Committe
  • American Conservative Union
  • The Churchill Center
  • Margaret Thatcher Foundation
  • Union pour un Mouvement Populaire
  • CDU/CSU
  • Conservative Party of Canada
  • Liberal Party of Australia